segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Aprendendo a correr no calor...(ou não ?)








Passei os últimos dez dias na minha terra, com direito a cervejas,pastéis, sorvetes, mariolas, Biscoitos Globo,etc...
Minhas férias são os feriados,mas desta vez consegui ficar 10 dias no Rio, 10 dias de muito calor.
Idéia era queimar as calorias adquiridas na orla do Leme até o Leblon.
Nos treinos de 5,8,10km até que correu tudo bem, apesar dos 30 graus às 08hs !!!
No último sábado tinha 16km, acordei às 05:15 e a temperatura já marcava 28 graus, foi um daqueles dias com sensação térmica acima dos 45 graus, às 6hs o Sol já dava o ar da graça, no km 12 ferveu geral, calor e alta umidade,com direito a sensação de mal estar estomacal, parei, respirei fundo, pensei várias vezes e resolvi encerrar o treino, fico devendo os 4km restantes, pago quando o Sol se despedir do hemisfério sul...
Correr no calor é para poucos, admiro aqueles que conseguem, independente de estar hidratado, boné, protetor solar, etc...,correr no calor é uma arte, além de muito treino nestas condições que "poste corre atrás de cachorro"!!!
Sol ? Ainda mais nesta época do ano, estou fora definitivamente.

2 comentários:

  1. Tambem prefiro correr ao "frio" do que com calor !!
    ... claro que como tem estado por aqui em Portugal , com 5, 6, 7 graus e chuva , também se torna desconfortável , mas mesmo assim , é um esforço muito mais agradável de fazer , pela menos para mim :D

    bons treinos Jorge

    um grande 2014 para ti e para os teus...

    abraço
    Artur B

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado,Artur!!!
      Com certeza é melhor treinar com 5 graus do que com sensação de 45!!!!
      Tudo de bom para vc também,muita saúde e vitórias!!!
      Abraço.

      Excluir